Como Seria Se? É uma ótima comédia água com açúcar 

Aisha Dee e Lili Reinhart são a melhor dupla do filme

A Netflix tem acertado muito em seus filmes de comédia e, Como Seria Se? É mais uma prova disso. A obra estrelada pela maravilhosa Lili Reinhart é bem criativa e diferente, possibilitando que o espectador possa conferir duas linhas de realidade alternativas, isso, a partir de uma situação que muda vidas.

Na trama, Natalie decide transar com seu amigo, Gabe, na noite de formatura da faculdade. Tempos depois, ela passa mal em uma festa e decide fazer um teste de gravidez, neste momento sua vida segue por dois caminhos em universos paralelos: uma onde está grávida e outro em que não está.

Na realidade em que o teste sai positivo, ela volta para a casa de seus pais e decide continuar com a gravidez, se tornando uma jovem mãe. Já na realidade do teste negativo, Natalie se muda para Los Angeles com uma amiga e começa a sua carreira na área de animação.

Através das mudanças estéticas nas duas possíveis vidas da personagem, a obra consegue mostrar com clareza cada uma das realidades, além de utilizar dos desenhos feitos pela protagonista para definir a mudança de tempo e os sentimentos de Nat. Eu, particularmente, amei a realidade em que ela está grávida, mas também me diverti bastante com as aventuras dela por Los Angeles.

Da mesma forma, os personagens coadjuvantes são todos excelentes, em especial os amigos Gabe e Cara, além dos pais de Nat, que são ótimos alívios cômicos. Este é aquele filme água com açúcar que vai preencher o momento em que estiver assistindo, mas que além disso, vai te deixar um pouco reflexivo.

Neste sentido, o filme passa uma mensagem muito positiva no geral, porque independentemente do resultado do teste de gravidez, a vida de Nat não foi 100% da forma como ela planejou, mas mesmo assim, acabou bem. Eu gosto de pensar que apesar de algumas coisas darem errado, pelo menos uma acaba dando certo.

Essa é uma super indicação, assistam.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.