Através de Minha Janela é simples e ganha muito com isso 

Filme tem ótimas cenas eróticas, sendo para maiores de 16 anos

Que delícia ver um filme teen farofinha, daqueles meio eróticos e que não é TÃO problemático, no catálogo da Netflix.


Através de Minha Janela estreou na última semana e conta a história de Raquel, uma garota que admira de longe seu vizinho Ares. Os dois acabam se conhecendo por conta da senha do wi-fi e depois de um tempo, se apaixonam loucamente um pelo outro.


Este não é um filme original, cheio de reviravoltas ou que vai te deixar refletindo sobre a vida algumas horas depois de assistir, e aí está a magia dele! Através de Minha Janela foi feito com o intuito de mostrar o despertar amoroso e sexual de uma jovem, cumprindo perfeitamente o prometido.


As cenas mais quentes são muito bem feitas e demonstram o bom gosto da direção, que não sexualiza Raquel e capta uma coreografia espetacular entre os atores, estes que se mostram bem confortáveis e entregues aos papéis, algo que faz toda a diferença.


Para além disso, também temos personagens secundários divertidos, como a melhor amiga de Raquel e a família de Ares, que nos faz entender melhor os motivos que o fazem ser tão fechado. Aliás, que clichê delicioso esse né?


O longa tem alguns problemas em sua construção, com um começo e um final muito rápidos, pouco naturais e sem profundidade, mas a trajetória do filme prevalece e o torna legal de se assistir.


Recomendo demais para os Freaks maiores de 16 anos!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.