A Fera do Mar é um filme esteticamente lindo

Maise é a personagem mais interessante deste filme

Quando vi a primeira cena de A Fera do Mar, fiquei encantada com a qualidade de sua animação, que é realista e extremamente bonita. O novo longa da Netflix é feito pelo premiado cineasta de Moana – Um Mar de Aventuras e Operação Big Hero, então acho que já devem ter uma ideia do que estou falando.

Aqui, conhecemos a adorável Maise, uma menina que entra escondida no navio de um grande caçador de monstros marinhos. Juntos, eles iniciam uma jornada épica por águas desconhecidas e descobrem que, muitas vezes, heróis fazem coisas erradas.

Este é um daqueles filmes que vale a pena de se ver com crianças, pois aborda questões valiosas como diversos pontos de vista de uma mesma história, o perdão, a finalização de ciclos de violência, a importância da empatia, da comunicação e as várias formas de se constituir uma família.

Além disso, A Fera do Mar segue a deliciosa fórmula de outras animações, que nos dão um mascote gracioso para amar e uma criança preciosa que queremos colocar num potinho. Cheia de personalidade e dona de uma inteligência absurda, é impossível não gostar de Maise e de suas atitudes audaciosas.

Em uma aventura dinâmica e repleta de momentos cheios de ação, este é um daqueles filmes que foge do eixo Disney/Pixar e que se destacam pela qualidade de narrativa, representatividade, beleza estética e das mensagens que passa. Será que já temos um indicado ao Oscar do próximo ano? 

Eu acho que sim.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.