Cidade Perdida não se leva a sério e isso é muito bom!

Filme se entrega aos clichês de gênero da melhor forma possível

Comédia é um gênero difícil de agradar a todos e, normalmente, eu fico com um pé atrás quando vou assistir alguma obra nesse estilo. No entanto, Cidade Perdida me parece ser um filme que deve agradar a muita gente, pois é bem escrito, atuado e não tem vergonha de zoar e se entregar aos clichês românticos.

Aqui, a brilhante e reclusa autora Loretta Sage escreve romances populares de aventura, cujas capas são estreladas pelo belo modelo Alan. Durante a turnê de promoção de seu novo livro, Loretta é raptada e descobre ser a chave para descobrir a Cidade Perdida.

Para se provar a ela, Alan decide se juntar ao profissional que promete resgatar Loretta, o que acaba forçando a escritora e o intérprete do personagem de seu livro, a viverem uma aventura épica na selva. O par improvável precisa trabalhar junto para sobreviver e encontrar o antigo tesouro, antes que seja perdido para sempre.

O filme tem um elenco espetacular, que demonstra a importância de uma boa química e do perfeito timing de humor, os grandes destaques são: Sandra Bullock, Channing Tatum, Brad Pitt, Daniel Radcliffe e Oscar Nunez. É notável o quanto eles estavam se divertindo enquanto faziam este filme.

Assistam!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.